Duas mil pessoas participaram de uma marcha em Seul, na Coreia do Sul, no último sábado, mostrando a paz e os valores positivos do Falun Gong e expondo a severa perseguição à prática na China.

Os participantes vieram de 12 países e regiões asiáticas, incluindo a Coreia do Sul, Taiwan, Vietnã, Japão, Hong Kong, Malásia, Indonésia, Austrália, Tailândia, Sri Lanka e Cingapura.

 

Realizando os exercícios antes do desfile (Minghui.org)

Liderada pela Banda de Tian Guo, composta por 170 praticantes, o desfile passou por uma série de pontos turísticos famosos.

As “damas celestiais” (Minghui.org)
Demonstrando os exercícios num carro alegórico (Minghui.org)
O primeiro banner diz: “O Falun Gong é praticado em mais de 100 países e beneficiou milhões de pessoas” (Minghui.org)
Levar o ex-ditador Jiang Zemin à justiça por iniciar a perseguição (Minghui.org)

Piao Xianzhen (no meio), uma estudante universitária em viagem em Seul, conheceu o Falun Gong pela primeira vez e achou a prática muito tranquila e relaxante. “Espero sinceramente que os praticantes da China em breve possam praticar isso livremente”, disse ele.

Uma cidadã local, Hong Minshu, seguiu a desfile por alguns quilômetros.

“O desfile me animou”, disse ela. “Estou cheia de energia agora.”

“Eu tinha ouvido falar sobre a perseguição ao Falun Gong, mas eu não sabia que muitas pessoas praticavam isso até ver o desfile hoje”, acrescentou ela.

Compartilhando Verdade-Compaixão-Tolerância

Quan Hongda, presidente da Associação do Falun Dafa na Coreia do Sul, disse: “O desfile mostra o significado da espiritualidade. Compartilha a mensagem da Verdade-Compaixão-Tolerância, que beneficia grandemente nossas comunidades”.

Kan Hongchang, presidente da Associação do Falun Dafa em Hong Kong, disse que o objetivo do desfile era permitir que mais pessoas aprendessem sobre o Falun Gong e pedir ajuda para parar a perseguição.

Kado, o presidente da Associação do Falun Dafa na Indonésia, disse que estava feliz por se reunir com praticantes de várias áreas. Ele disse: “Espero que mais coreanos aprendam sobre o Falun Gong através deste desfile.”

A participante do desfile Kim Shanzi disse: “Praticar o Falun Gong me tornou uma pessoa gentil e melhorou muito minha saúde. A última vez que fui ao hospital foi há 20 anos.”

Piniya, da Tailândia, disse que o Falun Gong a ajuda a aliviar o estresse e melhorou sua saúde.

Yuan Qiping, do Vietnã, começou a praticar o Falun Gong há cinco anos. Ela disse: “Eu sempre fiz cirurgias antes. O Falun Gong curou minhas doenças. Eu recomendo o Falun Gong para quem busca bem-estar espiritual e boa saúde.”

Fonte: Minghui.org

Categorias: Mundo

Vídeo em destaque

Ad will display in 09 seconds