Dong Feng era um talentoso médico da cidade de Lushan que praticava medicina taoista durante a Dinastia Jin (265 – 420 d.C.).

Ao invés de cobrar pela consulta, ele pedia que aqueles que tivessem sido curados de uma doença grave plantassem cinco árvores de damasco, e aos curados de doenças leves, uma árvore de damasco.

Depois de alguns anos o local se tornou uma grande floresta de damasco. E ele deixava que as pessoas pegassem os damascos na condição de que lhe dessem uma quantidade igual de arroz.

Às vezes as pessoas traziam pouco arroz e levavam muitos damascos. Quando isso acontecia, tigres perseguiam essas pessoas gananciosas.

Dong dava o arroz para os pobres e outras pessoas com necessidade. Todo ano ele doava cerca de 80 mil kg de arroz e, mesmo assim, ainda sobrava muito arroz no seu celeiro.

Um dia os céus agraciaram Dong Feng com o título honorário “Ser verdadeiro Bixu Taiyi”

Ele deixou o mundo das pessoas comuns e levitou em plena luz do dia.

As gerações posteriores construíram um santuário, em respeito a Dong, na floresta de damasco.

Fonte: Minghui.org

Categorias: Cultura

Vídeo em destaque

Ad will display in 09 seconds