Um total de 420 cavalos, a maioria com sinais de desnutrição, foram resgatados de um campo de Buenos Aires Ezeiza (Argentina) durante uma operação realizada após uma denúncia de uma ONG que luta contra o maltrato de animais.

Segundo fontes policiais, a operação foi realizada em um estabelecimento de 460 hectares localizado no lado da rota provincial 52, no auge da cidade de Tristán Suárez, onde as tropas também encontraram 25 cavalos mortos. No local estavam seus donos, um empresário relacionado ao item e seu filho.

El triste final de uno de los caballos: muerto en una zanja (Foto: Ministerio de Seguridad).
Um dos corpos encontrado em uma vala. (Foto: Ministério da Segurança).

A investigação começou depois que uma ONG que combate o abuso de animais denunciou que em um campo havia vários cavalos de diferentes raças em condições deploráveis e alguns deles sem vida. Após a denúncia, a promotora María Eugenia Garrido, da Unidade de Instrução Funcional nº 1 de Ezeiza, ordenou uma busca no estabelecimento, onde os animais estavam em más condições.

Por outro lado, policiais, membros de diferentes ONGs e bombeiros voluntários de Tristán Suárez continuaram trabalhando no local para ajudar os cavalos que estavam em más condições de vida.

Cuerpo de uno de los caballos sin vida. (Foto: Ministerio de Seguridad).
Corpo de um dos cavalos sem vida. (Foto: Ministério da Segurança).

Agora a justiça tentará estabelecer a origem de todos os cavalos que estavam no local e os campos ao redor foram feito buscas para encontrar outras tropas que pertencem ao mesmo acusado.

[Camponês argentino luta corpo a corpo com um puma e salva a vida de seu cachorro]

Los animales fueron retirados del lugar donde los tenían. (Foto: Ministerio de Seguridad).
Os animais foram removidos de onde estavam. (Foto: Ministério da Segurança).

Além disso, membros do Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agroalimentar (SENASA) na área determinaram que o local não possui autorização sanitária para habitação e criação de animais.

Os procedimentos foram realizados por membros da Superintendência de Segurança Rural, com a colaboração de diferentes Comandos de Prevenção Rural (CPR) na região, o Esquadrão de Cavalaria La Matanza e o Departamento Veterinário desta Polícia.

videoPlayerId=1e243f46c

Ad will display in 09 seconds

Fonte: La Capital Mar del Plata.

 

Categorias: Mundo

Vídeo em destaque

Ad will display in 09 seconds